Prefeitura vai repassar Pacaembu ao setor privado

Pacaembu

Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, o Pacaembu, foi inaugurado no dia 27 de abril de 1940

O estádio do Pacaembu, mais tradicional arena esportiva da cidade de São Paulo, será concedido à iniciativa privada por um prazo de até 30 anos, informou o secretário municipal de Esporte, Celso Jatene (PTB).

A prefeitura abrirá licitação no início do segundo semestre para reforma e administração do estádio. A pasta calcula que a empresa vencedora terá de investir cerca de R$ 350 milhões para transformar o estádio municipal, inaugurado em 1940, em uma moderna arena multiuso.

Segundo Jatene, a empresa vencedora não terá obrigações financeiras mensais ou anuais com o município.

“Quem gasta R$ 350 milhões para transformar o estádio já faz um grande investimento. Há apenas a determinação que esse parceiro traga uma contrapartida social”, disse o secretário.

A ideia do prefeito Fernando Haddad (PT) é que o estádio possa competir com as arenas da cidade em construção, com eventos poliesportivos –UFC, torneios de tênis e outros– e a volta dos shows.

“Hoje não pode [show], mas vamos nos reunir com Promotoria, Associação Viva Pacaembu, Câmara, judiciário, pra formalizarmos um TAC [Termo de Ajustamento de Conduta]”, disse Jatene.

A presidente do conselho deliberativo da Associação Viva Pacaembu, Iênides Benfati, que conseguiu na Justiça em 2004 a proibição de shows no estádio, disse desconhecer o projeto da prefeitura. “Não dá para concordar com aquilo que a gente desconhece. Eles já anunciaram uma licitação sem falar conosco”, afirmou Iênides, que defende o uso do espaço para prática esportiva comunitária

“A prefeitura só pensa de forma mercantilista. Ele [estádio] é deficitário porque é mal administrado”, afirmou.

Tombado pelo patrimônio histórico, o Pacaembu não pode ter alterações na fachada. Mas na parte interna, diz Jatene, até mesmo uma cobertura nas arquibancadas poderá ser implantada.

Deficitário, o estádio corre o risco de virar um elefante branco, já que Corinthians e Palmeiras avançam as obras de suas próprias arenas.

Pacaembu

Fonte: Folha

1 comentário em “Prefeitura vai repassar Pacaembu ao setor privado

  1. anderson francisco

    parabéns ao Prefeito de São Paulo Fernando Haddad ..”Eu quero um cara bom, um cara novo ao nosso lado, Resolver problemas difíceis é com ele, você já viu. Mandou bem, nota 1.000, em São Paulo e no Brasil”, diz o jingle de campanha de Fernando Haddad à Prefeitura de São Paulo..”Nasci, cresci e vivo em São Paulo. Sinto muito orgulho disso. Essa é uma das cidades mais incríveis do mundo. Uma cidade que cresceu para todos os lados. Agora, é a hora de ela crescer para todos os seus filhos.

    São Paulo acelerou o progresso do Brasil. Fez nosso país ganhar tempo na história. Mas, hoje, o paulistano é obrigado a perder muito tempo na vida. Perde tempo na fila do transporte, no trânsito, na fila da cirurgia, na fila do exame, na espera da creche, na espera da casa própria. O paulistano só não perde a esperança, porque sabe que isso pode mudar.

    Todos nós queremos um tempo novo para São Paulo. E tempo novo significa ideias novas. Estilo novo. Energia nova. São Paulo precisa de um prefeito com mais ideias, que trabalhe mais tempo, um prefeito apaixonado por sua cidade. São Paulo não quer mais prefeito de meio mandato nem de meio expediente. Eu vou trabalhar de manhã e de noite para realizar as mudanças que nossa cidade precisa.

    Durante esta campanha, vou apresentar propostas inovadoras para São Paulo. Propostas à altura da maior e da mais moderna cidade brasileira. Quero ser o prefeito que vai fazer mais em menos tempo para o povo de São Paulo.”. por isso que ele tá na Prefeito de São Paulo…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.